segunda-feira , 21 agosto 2017
Início > Blog > RPG > Desventuras de Bolso – Baixe Esse Sistema Super Simples

Desventuras de Bolso – Baixe Esse Sistema Super Simples

Olá roladores e roladoras de dados. Você é mais um dos vários RPGistas que sempre sonhou em criar seu próprio sistema? Então pare de pensar em um sistema super complexo e crie algo simples, porém funcional, primeiro, como o Desventuras de Bolso, do Acacio Pereira.

Em apenas 13 pequenas páginas, o Acacio conseguiu resumir a criação de personagens, regras do seu sistema, magias, equipamentos e ainda disponibilizou dois cenários e alguns monstros de fantasia medieval e aventura futurista, com direito a duas versões da ficha de personagem.

O Sistema

ficha de personagem desventuras de bolso
Ficha de Personagem (uma das versões)
O Desventuras de Bolso conta com três atributos: Físico, Mental e Sorte. Onde o Físico determina quanto você tem de Pontos de Vida (4 para cada ponto em Físico), Mental determina com quantas Perícias você começa o jogo (4 para cada ponto em Mental) e Sorte te dá 2 Pontos de Vida e 2 perícias para cada ponto que você apostar ali.

Para testar seus atributos você vai jogar 1d6 (um dado comum com seis lados) e somar seu atributo, se você superar a dificuldade, que varia de 4 a 8, você foi bem sucedido no teste.

Na hora da porrada do combate, o teste ainda continua simples. O atacante rola 1d6 e soma sua perícia Combate. O defensor rola 1d6 e soma Físico. A diferença entre os valores de teste, se o atacante tirar um valor maior, é descontado nos Pontos de Vida do defensor. Simples, fácil e rápido, não? Se qualquer um dos atributos chegar a zero, o personagem morre.

O livreto do Desventuras de Bolso ainda conta com um sistema de combate avançado, mas não vou entrar nesses detalhes.

Basicamente, o sistema se resume a isso, mas no livreto ainda tem várias coisas muito legais que não poderiam faltar num manual. Além disso, se você ainda não percebeu, o Desventuras de Bolso é genérico, permitindo que você crie seu mundo e cenário de aventuras. Tudo muito rápido e simples, para quem está começando ou muito fissurado para jogar.

Mas Por que Criar o Desventuras de Bolso?

Ninguém melhor para responder isso que o autor, certo? Então, Acacio, responde aí!

Esse sistema eu criei por dois motivos. Um é porque eu não gosto da maioria dos sistemas do mercado, eles são longos e demora muito para criar o personagem. Já perdi de mestrar partidas por causa disso. O outro é que eu quero ser escritor, o RPG é um excelente meio de treinamento.

Tá certo! Então, se você se interessou, é só baixar o Desventuras de Bolso clicando aí em baixo… é grátis!

Download “Desventuras de Bolso” Desventuras-de-Bolso.pdf – Baixado 88 vezes – 5 MB

E se você quiser conferir o livro que o Acacio escreveu, é só clicar no botão abaixo (ou aqui) e ser feliz.

A Missão dos Vagabundos

Oneiros
Autor em Rolando Dados
Formado em Sistemas de Informação, amante de culinária e RPGista desde 1999, mestre desde... nem se lembra, conhecedor e pesquisador de sistemas de RPG, tem o estranho costume de falar sobre ele mesmo na terceira pessoa... o.O
Oneiros on DeviantartOneiros on EmailOneiros on FacebookOneiros on GoogleOneiros on InstagramOneiros on PinterestOneiros on TwitterOneiros on Youtube
  • Acacio Pereira

    Rapaz, tá maneiro pra caramba, o post ficou simples e sucinto como o meu sistema.

  • Leandro Sardinha

    Sou professor de História e à partir desse semestre eu vou começar a utilizar o RPG em sala de aula como metodologia de ensino. Eu ia usar o 3D&T por ser um sistema bem simples, mas eu gostei desse e vou fazer um teste. Valeu, pro seu criador, pelo sistema e valeu pro Oneiros pela indicação.

  • Sugiro tentar mestrar para um grupo de amigos antes de colocá-lo em sala de aula, pra ver se ele corresponde ao que você precisa. E depois me relata essa sua experiência de RPG na sala de aula!

  • É uma honra!

  • Leandro Sardinha

    Pode deixar.